Música clássica e projeções de luzes no espetáculo especial de inverno do Festival Signal, em Praga

O SIM/NEBULA ainda vai acontecer num dos lugares mais lindos e icônicos da capital tcheca
Notícias e curiosidades  /   /  Por Gabe Britto

O festival de luzes Signal, que faz o maior sucesso pelas ruas de Praga durante um fim de semana do mês de outubro, vai ter uma versão muito especial (e muito linda) nos dias 16, 17 e 18 de fevereiro de 2018.

Esse “filhote” fora época é o espetáculo SIM/NEBULA, uma mistura maravilhosa de projeções de luzes, música clássica ao vivo e um ambiente histórico e incrível: o Salão Dvořák, do Rudolfinum, em Praga.

Signal - SIM/NEBULA, no Rudolfinum, em Praga

Signal - SIM/NEBULA, no Rudolfinum, em Praga

Fotos: Signal/divulgação

Ao longo dos seus 50 minutos de duração, o SIM/NEBULA vai apresentar 7 projeções diferentes que vão ser acompanhadas pela The Prague Radio Symphony Orchestra tocando a Sinfonia nº 9, de Antonín Dvořák, o poema sinfônico “Vltava”, de Bedřich Smetana, o prelúdio “Carnival”, também de Antonín Dvořák, e a Sinfonia nº 6, de Tchaikovsky.

Veja que beleza o vídeo de divulgação:

O SIM/NEBULA vai ter duas apresentações por dia, às 18h e às 20h, e os ingressos estão à venda neste link (em inglês) por 1.800 CZK.

Se você tiver a sorte de estar em Praga em 16, 17 e 18 de fevereiro de 2018, corra para aproveitar, porque duas apresentações já estão lotadas.

E para quem não conhece o Rudolfinum, um resumo: ele é um dos prédios mais icônicos de Praga, é a casa da Filarmônica Tcheca, foi construído entre 1876 e 1884, já viu apresentações de mestres da música clássica como o próprio Antonín Dvořák e é absurdamente lindo por dentro e por fora.

Salão Dvořák, o principal do Rudolfinum, em Praga

Salão Dvořák, o principal do Rudolfinum

O Rudolfinum fica na Alšovo nábřeží 12, na beira do rio Vltava, e o melhor jeito de chegar nele é pela estação de metrô e bondes Staroměstská (linha A, cor verde).

Sobre o Autor

Deixe um comentário