Como estacionar em Praga

Chegar de carro no centro da capital tcheca não é uma boa ideia, mas dá para resolver
Chegar e sair, Destaque  /   /  Por Gabe Britto

Estacionar em Praga não é uma tarefa fácil, ainda mais se você estiver em hotéis sem vagas para veículos de hóspedes e no centro da cidade.

Para não ter problemas nem surpresas desagradáveis, é preciso tomar alguns cuidados antes da chegada, além de ficar preparado para gastar dinheiro e, talvez, caminhar com suas malas.

 

Como estacionar nas ruas de Praga

Esqueça vagas gratuitas nas ruas durante o dia. Você dificilmente vai encontrar.

Praticamente todas as vagas de estacionamento público nos bairros centrais de Praga e nos bairros próximos a eles são cobradas.

O tipo de estacionamento permitido é indicado por cores.

  • AzulEstacionamento preferencial para residentes. Para poder para estacionar como visitante, é preciso comprar um tíquete usando o aplicativo do parquímetro virtual da empresa que administra os estacionamento públicos da cidade (não há parquímetros físicos nas áreas azuis, é só virtual mesmo). O tempo máximo de estacionamento de visitantes é de 3 horas, mas pode ser menor em certos locais. Verifique no parquímetro virtual.
  • RoxoEstacionamento misto (para residentes e também para visitantes). Você pode estacionar mediante pagamento no parquímetro virtual ou no físico. O limite de tempo é de 24 horas.
  • LaranjaEstacionamento para visitantes. Todos podem estacionar mediante pagamento no parquímetro virtual ou no físico, por um tempo máximo de 3 horas (verifique o limite exato no local, já que ele pode ser reduzido em áreas muito procuradas).

Para saber qual é a cor da área onde você está, procure na placa indicativa ou, no caso da área azul, observe também a cor da faixa pintada no chão. Nas áreas roxa e laranja, a sinalização no chão é uma linha branca tracejada.

Placas de estacionamento público em Praga
Placas de estacionamentos nas ruas: repare que a cor roxa parece marrom, mas é para ser roxo mesmo
 

Preços de parquímetros em Praga

Os preço dos parquímetros em Praga variam de 20 CZK a 80 CZK por hora, de acordo com os bairros e os horários. As regiões centrais são as mais caras.

Horários de funcionamento dos parquímetros em Praga

Em geral, as zonas de estacionamento têm horários que variam entre 8h e 20h, de segunda a sexta, mas podem mudar dependendo da região. Para ter certeza você tem que procurar a placa informativa. Fora dos horários de funcionamento, o estacionamento é livre.

Para identificar os dias da semana abreviados, anote:

Po – segunda-feira
Út – terça-feira
St – quarta-feira
Čt – quinta-feira
– sexta-feira
So – sábado
Ne – domingo

Como usar o parquímetro em Praga

Parquímetro para estacionamento nas ruas de Praga
O parquímetro das áreas roxa e laranja

São dois tipos de parquímetros: o físico (apenas nas áreas roxa e laranja) e o virtual (clique aqui para ver).

Ambos são fáceis de usar, têm instruções em inglês (e em outras línguas também) e aceitam cartão de crédito e moedas de euro.

É preciso digitar o número da zona do estacionamento. Você encontra este número na parte inferior da placa indicativa da área. Ele começa com P e fica ao lado de uma figura de um celular (veja nas fotos acima).

Não é preciso colocar comprovante de papel dentro do carro. Você vai digitar a placa do veículo e o sistema saberá que ele está ali.

Estacionamento em cima da calçada?

Em muitos lugares, o estacionamento não apenas é permitido em cima da calçada como é obrigatório.

Para saber como estacionar, observe a placa indicativa do parquímetro.

Placa de estacionamento em Praga
Na ordem, de cima para baixo: estacionamento lateral, oblíquo e oblíquo com parte na calçada (ainda é possível lateral com parte na calçada)
 

Estacionamentos públicos em Praga (P+R)

Não é muito correto chamar estes estacionamentos de “públicos”, porque dá a impressão de que são gratuitos, o que não é verdade. Mas é a melhor forma de definir essa opção, já que ela é oferecida pela empresa de transporte público da cidade.

Estes estacionamentos são chamados de P+R, sigla que vem de “Park and Ride” (“Estacione e Ande“), porque são muito bem conectados ao sistema de transporte público. A intenção é que você deixe seu veículo ali e use o metrô, os bondes ou os ônibus para chegar na região central de Praga.

A grande vantagem dos estacionamentos P+R é o preço: 20 CZK por dia, mais um adicional de 100 CZK para cada noite que seu carro ficar lá (ou seja: além do horário de funcionamento).

O horário de funcionamento é das 4h à 1h da manhã do dia seguinte. Isso significa que ele fecha à 1h da manhã e reabre três horas depois, às 4h da manhã.

A desvantagem é que você pode encontrar alguma dificuldade com avisos em tcheco para regras específicas (e não oficiais) de alguns estacionamentos.

Os estacionamentos conectados ao metrô estão nas estações listadas abaixo. Veja qual linha deixa você mais perto do seu hotel e qual estação é mais prática para a sua chegada na cidade.

  • Linha A, cor verde: Depo Hostivař, Skalka,
  • Linha B, cor amarela: Zličín, Nové Butovice, Rajská zahrada e Černý Most
  • Linha C, cor vermelha: Holešovice, Ládvi, Letňany, Chodov e Opatov.

Existem regras para utilizar estes estacionamentos. Veja neste link (em inglês).

 

Estacionamentos privados em Praga

Eles são a minha recomendação caso o seu hotel não tenha estacionamento para hóspedes.

É tudo muito mais simples do que nas outras opções. Você pesquisa antes de chegar, vai com GPS direto à garagem escolhida, larga o veículo e vai a pé ou com transporte público para o seu hotel.

Na parte mais central, os preços variam entre 600 e 1000 CZK por dia. Mas nos bairros fora dessa área é possível encontrar opções bem mais baratas e bem conectadas com o transporte público.

Verifique endereços, disponibilidade e preços no portal Bezpečné parkování (que mostra vários estacionamentos de diferentes empresas).

Para uma alternativa mais direta, veja o site da empresa Mr. Parkit, que tem várias garagens pela cidade e um sistema de reserva que permite pagar menos.

Também existe a opção de utilizar as garagens do aeroporto, mas eu só recomendo isso se você conseguir se programar (a reserva com antecedência oferece melhores preços) e se o seu hotel ficar perto da linha A do metrô (cor verde), evitando mais que uma troca de transporte no caminho do aeroporto até o centro de Praga, ou se sua reserva for em um dos hotéis perto da estação de trens e Praga, para onde você pode ir utilizando apenas o ônibus Airport Express.

Como última opção, apenas coloque “parking” no Google Maps e escolha a garagem que parecer melhor.

 

Cuidados antes e depois de chegar em Praga com carro

Antes

  • Verifique duplamente se o seu hotel ou apartamento tem estacionamento para hóspedes. Em endereços nos bairros mais centrais (Cidade Velha, Cidade Nova e bairro Malá Strana), é quase certo que ele não tem.
  • Verifique se é possível chegar de carro na rua do seu hotel. Muitos locais no centro da cidade ficam em vias de acesso exclusivo para veículos de moradores.
  • Se você estiver com um carro grande, pense bem antes de tentar entrar nas ruas mais antigas do centro. Algumas delas são bem estreitas.
  • Verifique onde está o estacionamento particular mais próximo do seu hotel e tente ir direto para ele. Chegando lá, deixe o carro e caminhe ou use o transporte público até o seu hotel e durante a sua estadia.
  • Peça indicação de estacionamento para o próprio hotel. Talvez haja uma opção mais fácil por ali.

Depois

  • Não deixe pertences valiosos dentro do veículo. Praga é extremamente segura, mas não dá para bobear. Ainda que o número de furtos seja baixo, eles sempre podem acontecer e você pode ser o sorteado da vez.
Placa de alerta de furto para motoristas em Praga
Recado da polícia tcheca: seu carro não é cofre
  • Se você estiver numa rua por onde passam bondes, sempre certifique-se de que o seu carro não esteja impedindo a passagem do transporte público. Um espelho retrovisor ou um canto do para-choque são o suficiente para arruinar todo o transporte na região e talvez da cidade. Seu carro será guinchado se isso acontecer.
 

O que fazer em caso de multas ou guincho

Se você conseguir a proeza de ter o seu veículo guinchado, ligue para 158 ou 156 e pergunte o que fazer. Você também pode acessar este site (em inglês) para saber se ele foi guinchado.

Já se o seu carro estiver com uma trava em uma roda (é o que acontece quando você para fora da lei, porém sem atrapalhar o tráfego), ligue para o número indicado no papel que será deixado no vidro do motorista. A pessoa do outro lado da linha dará as instruções para a liberação e o pagamento da multa.

Como dirigir na República Tcheca: multa
Bobeou, foi grampeado
 

Estacionar moto em Praga

Se estiver de moto, relaxe. Você pode estacionar gratuitamente em qualquer área paga.

Sobre o Autor

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.